quarta-feira, 9 de março de 2011

Corinthians cai, Palmeiras vira e show do Santos na Vila


A quarta-feira de cinzas teve muita bola rolando no Paulistão. O último invicto caiu no Pacaembu, o Corinthians não jogou bem, não conseguiu criar jogadas e pecou muito nas finalizações.

A Ponte Preta era muito eficiente durante o jogo e foi justa a vitória, a Macaca soube neutralizar muito bem os pontos fortes do Timão e no contra-ataque poderia até ter ampliado a vantagem. O ex-corinthiano Everton Santos, marcou o gol que garantiu a vitória da Ponte Preta no Paulo Machado de Carvalho por 1x0.

O Palmeiras não apresentou um grande futebol, o primeiro tempo do Verdão contra o Noroeste em Bauru foi vexatório. Valdivia errava muitos passes e o Luan atrapalhava o time do lado esquerdo do campo, Tinga também esteve muito mal na primeira etapa. O Noroeste se aproveitou da fragilidade palmeirense e abriu o placar.

Em minha opinião com um gol irregular, fiquei com impressão de impedimento do Geovane, que fez um gol de letra. No intervalo Felipão mexeu no time e deixaram o gramado Luan e Tinga para as entradas de Vinícius e Max Pardalzinho.

No começo do segundo tempo as alterações até pioraram um pouco a equipe, porque o Palmeiras perdia fisicamente para o Noroeste, mas aos pouco o time foi se acertando em campo. Valdivia que não vinha bem conseguiu encontrar espaços após a expulsão do zagueiro Mateus do Norusca.

Uma bela cobrança de falta do Mago com muita perfeição, o Palmeiras empatou o jogo, méritos totais para Valdivia, que sempre treina esse tipo de cobrança na Academia de Futebol, não foi um gol por acaso. Em outra jogada bem construída por Valdivia, o garoto Vinícios ficou na cara do gol, garantindo a virada palmeirense em Bauru.

Novamente fica evidente a necessidade do Palmeiras de um centro avante, porém, acredito que faltam mais peças, as opções de banco do Felipão estão muito pobres. Para o Paulista que é um campeonato inútil é possível competir, mas para o Brasileirão o elenco precisa ser reforçado.

O Santos foi muito bem diante da Portuguesa, Neymar o destaque da partida, fez dois gols e foi o autor da jogada do gol marcado pelo Léo. O Peixe esteve muito bem, durante o jogo todo, com variações de jogadas, finalizações, triangulações e com os atletas muito a fim.

Justamente o que não vinha acontecendo nos últimos jogos e com a chegada de Paulo Henrique Ganso, que já está praticamente pronto, o Santos será muito competitivo nesta temporada.

2 comentários:

  1. Nossa,sabe-se lá o que aconteceu com o Corinthians no segundo tempo do jogo! JÉSUS!

    ResponderExcluir